Say Yes: Adolescentes de hoje, peregrinos da JMJ de amanhã

A Jornada Mundial da Juventude de 2022, confirmada para Lisboa, motivou os bispos do país a desenvolver um projeto junto aos adolescentes que frequentam a catequese em Portugal. A proposta “Say Yes – aprender a dizer sim” vai acompanhá-los até o evento, através do estudo da história das JMJs dos últimos 30 anos, contribuindo com novos modelos para renovar as aulas da “catequese da adolescência”.

Adolescentes de hoje, peregrinos da JMJ de amanhã

O presidente da Comissão Episcopal da Educação Cristã e Doutrina da Fé, Dom Antônio Moiteiro, disse estarem convictos que, “daqui a três anos, os adolescentes serão potenciais peregrinos da JMJ Lisboa 2022”. Além disso, o projeto complementa os materiais que serão lançados sobre os temas já apresentados pelo Papa Francisco aos jovens para cada ano pastoral.

Em especial, comentou o Pe. Tiago Neto, diretor do setor da Catequese de Lisboa, o projeto “propõe um itinerário que percorre a história das JMJs” para que os “adolescentes se apropriem do grande dom que são as Jornadas para a Igreja nos últimos 30 anos”. Ele esclarece, porém, que é “um itinerário de preparação e não um itinerário de JMJ. Tem uma clara nota vocacional para ajudar os adolescentes a dizerem sim ao projeto de Deus, valorizando os conteúdos da exortação apostólica Cristo Vive”.

Ler o artigo completo em Vatican News.