Programa e calendário anual 2019-2020

No terceiro ano da receção sinodal, a Catequese de Lisboa procurará “sair com Cristo ao encontro de todas as periferias sociais e geográficas” (CSL, 53). Este convite, dirigido a toda a Igreja diocesana de Lisboa, implica todos os que estão envolvidos na catequese, nomeadamente a comunidade cristã, os pastores, os catequistas, as famílias e os catequizandos, etc. Ele lembra-nos que a catequese sempre deverá estar atenta às múltiplas e diferenciadas realidades humanas onde é chamada a encarnar o Evangelho.

Se, no seu conjunto, a fé “deve enraizar-se na experiência humana”, “a catequese, apresentando a mensagem cristã, preocupa-se por tornar as pessoas atentas às suas experiências de maior importância, tanto pessoais quanto sociais e submeter à luz do Evangelho os problemas daí resultantes, de maneira a estimular nas pessoas um justo desejo de transformar a própria maneira de viver” (Cf. DGC 87, 117). Salvaguardando a integridade do depósito da fé, a catequese realiza um autêntico serviço à inculturação do Evangelho, quando faz com que o querigma chegue ao “mais recôndito das pessoas e dos povos”, assumindo “aquelas riquezas culturais que são compatíveis com a fé”, mas, também, purificando e transformando “aqueles critérios, modos de pensar e estilos de vida, que estão em contraste com o Reino de Deus” (Cf. DGC 109).

Para realizar esta importante missão, a catequese é chamada a “imitar Cristo na saída de si mesmo para ir ao encontro dos outros”, a “sair continuamente de si mesma para testemunhar Jesus e falar de Jesus, anunciar Jesus” (Papa Francisco). Isto implica que, na catequese, se aprenda a preferir os pobres e os excluídos, se trabalhe com as famílias e se acompanhem as rápidas transformações sociais e culturais (Cf. CSL, 53). De forma particular, as crianças e os adolescentes precisam de projetos que “os lancem ao encontro dos demais, no serviço generoso e na missão” (Cf. ChrV 30). Expressão disso, é o projeto Say yes com o qual se propõe uma caminhada de preparação para a JMJ Lisboa 2022.

Objetivo do ano:

Sair com Cristo ao encontro de todas as periferias, no anúncio da palavra e na experiência do serviço e da missão.
 

Objetivos específicos:

1. Promover a conversão missionária da catequese; 

2. Levar a compreender que a missão brota do encontro com Jesus Cristo;

3. Promover projetos de serviço e de missão na catequese;   

4. Fomentar a escuta de Deus através da leitura orante da Sagrada Escritura;

5. Educar para a interioridade incentivando a prática da oração na catequese;

6. Valorizar a espiritualidade dos pastorinhos de Fátima a apresentá-los como modelos de santidade;

7. Estabelecer laços entre família e catequese;

8. Trilhar caminhos de sinodalidade na organização da catequese;


Documentos para download